Portal Caparaó

carregando...

POLÍCIA

09/12/2013 - Atualizado em 09/12/2013 16h48

Criança de 11 anos morre afogada

BOM JESUS DO GALHO (MG) - O corpo do estudante Alex Alves de Assis, de 11 anos, vítima de afogamento, foi encontrado às 14 h deste domingo (08), a cerca de 150 metros do local onde a vítima se afogou. Um bombeiro voluntário de Bom de Jesus do Galho e populares, que encontraram o corpo da criança em meio a troncos de árvores. Foram quase 24 horas de buscas e o fim da angústia de uma família.

Alex morreu afogado ontem (07), por volta das 16 h, no Rio Sacramento, situado em uma comunidade conhecida como Vila Ozanan, em Bom Jesus. Cleber Júnior, de 11 anos, amigo da vítima, contou que Alex o chamou para nadar, mas ele preferiu não entrar na água. Quando Alex pulou no rio e começou a se banhar, percebeu que não estava mais dando pé e veio a se afogar, sendo levado pela correnteza.
 
Segundo populares, havia chovido e o nível do rio estava acima do normal com uma forte correnteza. Cléber disse que chegou a tentar salvar a vida do amigo, mas ao perceber que também estava começando a se afogar, voltou à beira do rio, saiu da água e foi pedir ajuda. Pessoas foram até o local, porém, já era tarde demais. Ontem, após o afogamento, o Corpo de Bombeiros Voluntários de Caratinga com a ajuda da população realizou aproximadamente três horas de buscas para tentar encontrar o corpo do menino. 
 
Às 12 h de hoje, as buscas foram retomadas por populares com o apoio do bombeiro voluntário de Bom Jesus, que encontraram o corpo de Alex antes da chegada do Corpo de Bombeiros de Caratinga e do Corpo de Bombeiros Militar de Coronel Fabriciano, que também retornariam ao rio para dar continuidade às buscas. A Polícia Militar registrou a ocorrência e o serviço funerário levou o corpo da criança até o Instituto Médico Legal (IML). 
 
Sônia Alves, mãe do garoto, ao saber da notícia de que o corpo do filho havia sido encontrado, ficou inconsolável. Ela chegou ao local do afogamento chorando bastante e amparada por duas mulheres.
 
TV Super Canal - Caratinga - portalcaparao@gmail.com
 

Compartilhar

Comentários

O Portal Caparaó não se responsabiliza por qualquer comentário expresso no site ou através de qualquer outro meio, produzido através de redes sociais ou mensagens. O Portal Caparaó se reserva o direito de eliminar os comentários que considere inadequados ou ofensivos, provenientes de fontes distintas. As opiniões são de responsabilidade de seus autores.